Acesse "conteúdos" na lateral direita do Blog!

domingo, 20 de janeiro de 2013

As Pin-ups americanas


Ultimamente tenho acompanhando as postagens de Erinaldo sobre a imagem da mulher, e confesso que me diverti com as fotografias das musas do século XIX, mas também me surpreendi em perceber como o nosso gosto foi moldado no tocante ao corpo feminino nesses poucos mais de cem anos.

Na minha adolescência tenho lembrança que pouco tive acesso aquelas imagens, lembro que as relacionava a um passado distante, cafona, etc. Na verdade, a turma dos anos de 1970/80, o negócio era história em quadrinhos eróticos (quando tínhamos acesso) e as maravilhosas ilustrações americanas das Pin-ups dos meados do seculo XX.

Se Amélia era a mulher de verdade, eu e alguns amigos colecionávamos e adorávamos aquelas “verdadeiras” maravilhas da natureza. Com as medidas proporções com o mito de Pigmaleão que ao tentar reproduzir a mulher ideal se apaixonou e casou por uma estátua que esculpira, conheci alguns colegas que iam quase a lágrimas ou a porrada se uma ilustração daquela era perdida ou rasurada.

















Pin-up  era caracterizada por uma modelo cujas imagens sensuais produzidas em grande escala (calendários e porters) exerciam um forte atrativo na cultura pop. Geralmente modelos e atrizes famosas consideradas sex symbols eram inspirações para as pin-ups. 

As pin-ups apontaram para um padrão de beleza que contrapõe as gordinhas do século XIX, e que influenciam os critérios das aparências até os dias atuais.

Seja o primeiro a comentar

Quem segue Ensinando Artes Visuais

Participe deixando o seu recado

Total de Visitas

Países visitantes

Visitantes agora

Visualizações na última semana

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO